Início VARIEDADES NOVELAS Pantanal acabou, mas veja quanto custa visitar cenários da novela – Campo...

Pantanal acabou, mas veja quanto custa visitar cenários da novela – Campo Grande News

0
0

Diversão
Fazenda Barra Mansa foi um dos locais de gravação da novela Pantanal e dispõe de passeios o ano todo
A novela Pantanal terminou há uma semana e mostrou a beleza de um dos maiores ícones naturais do mundo. Diversos locais no Pantanal sul-mato-grossense foram escolhidos para gravações de cenas e alguns desses cenários podem ser visitados.
Um dos endereços é o Hotel Barra Mansa, localizado em uma área muito especial às margens do Rio Negro, conhecida como a região mais bela e preservada do Pantanal.
O Hotel fica na fazenda fundada por Aniceto Rondon, na década de 1940, quando recebeu as terras como herança de família. Aniceto era primo do Marechal Cândido Rondon, desbravador do oeste brasileiro e pioneiro na proteção das comunidades indígenas. A esposa de Aniceto, Jandyra, era apaixonada por arte, música e poesia, e escolheu uma suave curva do rio Negro para localizar Barra Mansa. Os Rondon foram os pioneiros na ocupação do Pantanal do Rio Negro, e região que até hoje abriga fazendas pertencentes à integrantes da família, incluindo a Fazenda Barra Mansa onde está localizado o hotel.
Diversos locais próximos da propriedade foram escolhidos como cenário, como a ponte do Rio Negro, que fica bem em frente ao hotel e aparece em diversas cenas. Algumas praias, baías e margens de rio próximas também. Esses lugares, por exemplo, podem ser visitados por turistas que investem na experiência no hotel.
Entre as casas dos personagens, a Tapera da Juma que fica em uma fazenda próxima, também pode ser visitada, mediante autorização prévia e contribuição para a escola pantaneira que fica na mesma fazenda. Assim o turismo na localidade contribui também socialmente para um projeto de educação importante para a permanência de crianças e famílias nessa região do Pantanal.
Com a exibição da novela, houve um aumento na procura pelo atrativo. Para a família proprietária, que administra a fazenda e o hotel, essa busca gerou muita emoção.
“A emoção foi enorme, tanto por ver o Pantanal em destaque novamente na TV brasileira, quanto por receber e apresentar as belezas, cultura e particularidades do Pantanal aos artistas, diretores, produtores e equipe de filmagem em geral da novela. Ver o quanto essas pessoas envolvidas se encantaram com a natureza, ambiente e hospitalidade características do Pantanal foi muito especial, pois gerou um sentimento verdadeiro de bem estar em cada um que aqui esteve, e na despedida das filmagens isso ficou bem claro pois ninguém queria ir embora”, descreve Daniel Rondon, que administra a propriedade junto à família.
 Quando visitar o Pantanal 
Daniel explica que o Pantanal é bom de visitar o ano todo, e que cada estação tem suas particularidades. O período da seca (julho a novembro) é conhecido como a melhor época para ver animais, porém os períodos de cheia (dezembro a março) e vazante (abril a junho) também são pelas paisagens belíssimas e boas chances de encontrar vida selvagem. O hotel funciona o ano todo, com exceção de períodos de férias coletivas.
“As atividades turísticas oferecidas no hotel são pautadas no respeito ao meio ambiente e visam proporcionar experiências autênticas aos visitantes através do contato direto com a natureza, mas também com as pessoas e cultura do Pantanal”, destaca Daniel.
As diárias do hotel incluem: hospedagem em suítes com ar-condicionado, ventilador de teto e janelas teladas, três refeições diárias e dois passeios por dia com acompanhamento de guias locais pantaneiros.
Entre os passeios e atividades disponíveis tem passeios de barco pelo Rio Negro, caminhadas em trilhas, passeios a cavalo, passeios de canoa, safári em veículo 4×4, pesca recreativa e acompanhamento de atividades culturais de uma fazenda pantaneira. A programação é dividida nos períodos da manhã e tarde podendo ser compartilhada com outros hóspedes.
Uma das maiores curiosidades é pela onça-pintada. O avistamento tem aumentado muito nos últimos anos. As maiores chances estão nos passeios de barco e canoa pelo Rio Negro, principalmente entre os meses de maio a dezembro.
Quanto custa
Os valores de diária incluindo hospedagem, refeições e passeios começam em R$ 1.758,75 o apartamento Single, R$ 2.198,75 o apartamento duplo e R$  R$ 3.037,50 o triplo. Tem ainda apartamento quádruplo a R$ 3.840,00 a diária.
Outra sugestão para quem viaja em família, é a casa privativa equipada com dois quartos, 1 banheiro, sala de estar e varanda, que acomoda até cinco pessoas que custa R$ 4.790,00 a diária.
O acesso ao hotel é somente com caminhonetes 4×4 ou táxi aéreo. Não é possível chegar em veículos de passeio ou SUV. Os serviços são terceirizados e o hotel auxilia nas contratações do traslado 4×4 a partir de Campo Grande, Aquidauana e Bonito.
O telefone para contato é o WhastApp (67) 99801-4544.
Confira a galeria de imagens:
Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).
Sexta, 21 de Outubro
Todos os direitos reservados. As notícias veiculadas nos blogs, colunas ou artigos são de inteira responsabilidade dos autores. Campo Grande News © 2020.
Design by MV Agência | Desenvolvimento Idalus Internet Solutions.

source

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

%d blogueiros gostam disto: